1 de maio de 2015

Indicações e pra que servem os medicamentos : Besilato de Anlodipino e Carvedilol

Cada paciente, diagnosticado com Hipertensão Arterial precisa de uma medicação prescrita de acordo com o seu caso para o tratamento. A dosagem da medicação varia de pessoa pra pessoa, de acordo com a sua necessidade. E todo medicamento tem suas derivações, similares, e o infinitos nomes que tratam a mesma causa.

No caso da Jaqueline, Cardiologista receitou o Carvedilol.

Esse medicamento de uso oral é um anti-hipertensivo, sua ação promove a dilatação dos vasos sanguíneos, facilitando a circulação e diminuindo a resistência nos vasos.
O Carvedilol também é utilizado no tratamento de indivíduos que já sofreram infartos e com histórico de insuficiência cardíaca.

Indicações do Carvedilol

Pressão alta; insuficiência cardíaca; infarto.
 
Efeitos colaterais do Carvedilol

Pressão baixa; pressão baixa postural; diarréia; aumento do açúcar no sangue; aumento de peso; infecção respiratória; fraqueza; tontura; fadiga; cansaço.


Já a Nefrologista receitou Anlodipina (Besilato de Anlodipino)

O besilato de anlodipino é um medicamento anti-hipertensivo da classe dos antagonistas de canal de cálcio. Ele interfere no movimento do cálcio para dentro das células cardíacas e da musculatura dos vasos sangüíneos. Como resultado dessa ação, o anlodipino relaxa os vasos sangüíneos que irrigam o coração e o resto do corpo, aumentando a quantidade de sangue e oxigênio para o coração, reduzindo a sua carga de trabalho e, por relaxar os vasos sangüíneos, permite que o sangue passe através deles mais facilmente. A pressão sangüínea alta impõe ao coração e às artérias uma sobrecarga de trabalho que, a longo prazo, faz com que o coração e as artérias não funcionem adequadamente. Isto pode causar danos nos vasos sangüíneos do cérebro, coração e rins, resultando em acidentes cérebro-vasculares, deficiência cardíaca e renal. Pressão alta também pode aumentar o risco de ataques cardíacos. Se a pressão sangüínea for controlada, esses problemas podem não ocorrer ou pode haver menor possibilidade de que ocorram.



Fontes:

Nenhum comentário:

Postar um comentário